sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Inspiração inversa

Todas nós temos o hábito de postar imagens de mulheres magras como inspiração, eu aqui desta vez somente vou postar imagens de pessoas gordas, assim poderemos visualizar aquilo que não emos ser de maneira nenhuma, acredito que trará forças para todas nós seguirmos em nosso ritimo.















13 comentários:

  1. amiga essas ftos são desastrosas...nunca vamos ser assim nunca mesmo,pq nós temos força de lutar para sermos magras não é memso?
    bjoos e mta força linda

    ResponderExcluir
  2. aaaaaaah o.o qisso ?!

    mel dels , isso é que é inspiração mesmo ,g-sus , espero nunca chegar a esse estado , se a ana é doença , imagina isso dae , não slei se sinto nojo ou dó :/

    força amor .

    ResponderExcluir
  3. Nossa. Algumas me deu ate nojo. Realmente não podemos discuidar da nossa dieta. Com certeza nao quero ficas assim!!!

    ResponderExcluir
  4. Ai meu Deus....não e pior q hoje fui num supermercado grande que tem aki e tem lojas tudo junto sabe. Ai eu tava numa loja alguém passou por trás de mim...ai né eu escutei um barulho de latinha de refri abrindo...ai me deu uma puta vontade de tomar refri mas qdo olhei pra trás e vi quem tinha abrido o refri perdi a vontade na hora....perdi a vontade do refri e qualquer comida. Era uma gorda daquelas bem gordas sabe, coitada deu uma pena.

    ResponderExcluir
  5. É gente é foda, as vezes tenho dó as vezes tenho um pouco de nojo, mas não tenha dúvidas que a doença delas é a Ana ao contrário. Não conseguem para de comer, é triste. Mas não podemos ficar assim.

    ResponderExcluir
  6. Eu prefira tar morta que tar assim nao sou nada contra pessoas gordas (afinal eu sou gorda nao sou é como nas fotos) mas nao ia aguentar ser como as pessoas das fotos sou mais magra que elas e ja me odeio ate nao poder mais imagina se eu fosse assim...
    Mas ver essas fotos diz mesmo que nunca podemos abandonar os nossos habitos da ana/mia se n ficamos assim.
    bjs
    força

    ResponderExcluir
  7. Ai que nojo, eu não estou sendo fresca, mas isso já é demais...
    Nunca vou querer ficar assim!

    ResponderExcluir
  8. Nossa, que medo!
    O.O
    fiquei apavorada agora.

    ResponderExcluir
  9. oi querida.
    ando sumida... não lia seu blog há 3 posts...
    o que vc falou é verdade... é Ana invertida mesmo essas pessoas assim. E a negação com o bem-estar é praticamente a mesma.
    meus dias andam chatos e iguais...
    queria viajar...
    saudades suas.
    um beijo

    ResponderExcluir
  10. Ah eu n tenho pena delas n, afinal como uma amiga minha ja disse, o duro eh ser bonita, vc tem q malhar, se depilar, ficar sem comer.. Nós nos sacrificamos para ficar lindas, essas ai saum um bando de relaxadas. E msm q seja doença, eh so procurar ajuda, existe remedio pra tudo.

    Por isso linda, eh que nunk, jamais (espero neh) chegaremos a tal ponto!Pq nós lutamos contra isso, lutaremos sempre!! Boa semana pra ti, e força, ng quer ficar como uma dessas fotos neh!? ;*

    ResponderExcluir
  11. To me sentindo a gorda superheroína!!!
    afff

    ResponderExcluir
  12. Minha mais sincera opinião é que essas pessoas não são assim por falta de vergonha, safadeza ou preguiça, é doença mesmo, tão grave quanto uma anorexia.
    E as que posam fazendo graça, já perderam qualquer pingo de respeito que poderiam ter por si mesmas.
    Não acho inspirador, assim como não acho crianças morrendo de fome inspirador.
    Sinto um misto de pena com sei lá o que.

    ResponderExcluir
  13. Com certeza não é por culpa delas, mas toda vez que eu vejo uma moça nas condições de peso que o post mostra isto me dá mais força para não deixar com que uma compulsão alimentar me deixe assim. Não tenha dúvida, que muitos que lêm os nossos blogs também acreditam que somos da maneira que somos por culpa nossa, e tenho certeza que quando alguns enxergam uma foto de anorexia também sentem pena. AS fotos apresentadas no blog é como se fosse uma demonstração de anorexia inversa, a distorção da auto imagem não é somente das magras. Eu não sei se sinto pena, mas também não posso culpa-las.
    Grata pelo comentário.

    ResponderExcluir

Grata pelo comentário. Em breve será liberado para a visualização.