sexta-feira, 30 de julho de 2010

Garotas.

Faz tempo que não posto nada né? Mas é que estou de TPM, não estou muito legal. Já preparei o selinho para vcs, tenho uma nova seguidora.
Me desculpe o desanimo, assim que eu estiver um poquinho melhor escrevo um post descente.
Abraços a todas.

sábado, 24 de julho de 2010

Selinho da Lola Franol

Ganhei um selinho da Lola, este estará abaixo do outro selinho que ganhei. Me inspirei e estou preparando um selinho para vocês.

Agora vamos as perguntas da Lola

1 - Depois de um NF, oq vc come?
R - Sempre algo nojento, como um Burguer King ou um Mac Merda.

2- Qual é a duração de seus NFs?
R - Cindo dias até no máximo 6.

3- Uma frase que te defina.
R - "Há uma exuberância na bondade que parece ser maldade." Friedrich Nietzsche

4- Já fez alguma "loucura" por não ter alcançado sua meta?
R - Sim, continuar viva, é pior do que se suicidar. Acordar e ser ver gorda é uma loucura....

5- Primeira coisa que vc faria se acordasse com o peso ideal?
R - Me clonaria e casaria comigo.


quinta-feira, 22 de julho de 2010

Quero ser perfeita.

Querida "Quero ser perfeita", obrigada por seguir meu blog, aguardo possíveis comentários.
Afinal todas nós queremos ser Perfeitas.
Abraços

Inspiração. (Twiggy)








Fica uma gata belissima para inspiração, Twiggy, foi considerada a primeira top model do mundo

Então.

Então. Continuo com os 56 kilos e meio isto me deixou feliz. Não mais feliz que estar com 55, que é minha segunda meta. O complicado é que as vezes a fome fica incontrolável, não como, claro! Fumo um cigarro, tomo um café, mas fico com um gênios dos diabos. Ontem fiquei assim... parecia que o mundo me incomodava, barulhos, pessoas, me enrrolei em uma coberta e dormi. Acordei, juroooo, babando de pingar, sonhando com comida, rs muita comida. E o pior, tudo que eu engulo, até água esta me dando azia, está terrível, mas parece que dia a dia estou me acostumando.
Hoje coloquei uma calça baixa e meus ossos pareceram, me senti linda, o problema é que estou em neurose, se não me enxergo no espelho, fico tocando meu corpo que nem uma louca procurando ossos adicionais, quando sento, mesmo não saltando banhas, fico de braços cruzados sobre a barriga empurrando minha carne para dentro, porque se não faço desta maneira, sinto como se eu tivesse dez dobras que estão a saltar para engolir o resto do meu corpo. Isto não é normal, e não gosto de me sentir assim. Afinal, embora não seja meu ideal, 56 kilos e meio não é muito para 1,69 de altura.
Ontem com meu gênio da porra, fiquei a xingar todo o momento meu noivo. Ele me disse que estou louca, rs, que vai deletar o meu blog. Mas é óbvio que não fará, ele sabe que eu o tenho, não escondo dele meus LFs e tals, o bom é que meu gatinho não se intromete muito. Só que para este eu não conto meus sinais, e minha sensações, sei de fato que irreais sobre minha matéria.
Gurias, lindas agradeço demais os comentários. Agora são 03:22 da manhã e vou visitar os blogs de vocês.
Até o próximo post.

sábado, 17 de julho de 2010

Para Jukie K - Love Me Two Times - The Doors

Love Me Two Times
Love me two times, baby
Love me twice today
Love me two times, girl
I'm goin' away

Love me two times, girl
One for tomorrow
One just for today
Love me two times
I'm goin' away

Love me one time
I could not speak
Love me one time
Yeah, my knees got weak

Love me two times, girl
Last me all through the week
Love me two times
I'm goin' away
Love me two times
I'm goin' away

Love me one time
I could not speak
Love me one time
Yeah, my knees got weak

Love me two times, girl
Last me all through the week
Love me two times
I'm goin' away
Love me two times
I'm goin' away

Love me two times, baby
Love me twice today
Love me two times, girl
I'm goin' away

Love me two times, girl
One for tomorrow
One just for today
Love me two times
I'm goin' away

Love me two times, baby
Love me twice today
Love me two times, girl
I'm goin' away

Me Ame Duas Vezes
Me ame duas vezes, baby
Me ame em dobro hoje
Me ame duas vezes, garota
Eu estou indo embora

Me ame duas vezes, garota
Uma por amanhã
Uma só por hoje
Me ame duas vezes
Eu estou indo embora

e ame uma vez
Eu não poderia falar
Me ame uma vez
É, meus joelhos enfraqueceram

Mas me ame duas vezes, garota
Me compense pela semana inteira
Me ame duas vezes
Eu estou indo embora
Me ame duas vezes
Eu estou indo embora

e ame uma vez
Eu não poderia falar
Me ame uma vez
É, meus joelhos enfraqueceram

Mas me ame duas vezes, garota
Me compense pela semana inteira
Me ame duas vezes
Eu estou indo embora
Me ame duas vezes
Eu estou indo embora

Me ame duas vezes, baby
Me ame em dobro hoje
Me ame duas vezes, garota
Eu estou indo embora

Me ame duas vezes, garota
Uma por amanhã
Uma só por hoje
Me ame duas vezes
Eu estou indo embora

Me ame duas vezes, baby
Me ame em dobro hoje
Me ame duas vezes, garota
Eu estou indo embora

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Olá garotas.

Estava a pensar agora comigo na varanda, sou uma doente mental? Talvez para os padrões socias de hoje. Prefiro acreditar que seria melhor viver eu no Império Romano, orgias sexuais, vinho, democracia (Não tão democrática assim, vale relembrar que tinha orgia, rsrs), ideais clássicos de beleza, arte, morte, vida intensa... espero que não estranhem este comentário louco no inicio do post mas é que fumar bec é minha terapia humorada.
O meu humor com certeza é também porque estou também conseguindo manter o LF e emagreci um kilo e meio, está visível que meus ossinhos estão aparecendo de volta, até meu noivo falou que emagreci. O problema é chegar final de semana, acabo bebendo demais, e cerveja tem carboidrato. Sai ontem para beber e como não estou comendo carboidratos e jantei somente frutas meu estômago parecia que ia arrebentar, afinal tem o agravante de eu ser uma fumante compulsiva. Quando cheguei em casa queria vomitar de tanta, tanta, tanta dor. Mas o que importa é que estou rumo ao meu objetivo, estava com 59, agora com 57,500 para chegar em meu objetivo inicial que é 55 faltam apenas 2,500.
Li o post da Julie K do dia 07/07/2010 agradecendo as leitoras do seu blog, e deixo aqui meus sinceros agradecimentos a ela e a todas as leitoras deste, faço das palavras da Julie K as minhas.

sexta-feira, 2 de julho de 2010

Inicio.


Acordei e assisti ao jogo do Brasil, fumei um bec e alguns cigarros, tomei café. Estou sem comer desde ontem na hora do almoço. Sim, a maldita culpa bateu na minha cara, quando cheguei em casa e ao deitar encostei a mão no meu abdômen, mole, cheio de sobras. Não poderia ser menos, 59 Kilos é um peso considerável para uma mulher de 1,69. Fiquei pensando, como posso me deixar levar pelo gosto de comer? Durante alguns anos da minha vida comer não era mais um ato de felicidade, somente tomava café e fumava, comia pouquíssimo, e me mantinha nos 56 Kilos, não me achava magra, bem longe disto, mas não estava com esta obesidade mórbida que estou.
A comida voltou a ser um prazer em minha vida desde que vim a morar com meu noivo, ele tão magrinho, comia tanto e tanta porcaria, tanto refrigerante, horrores de carboidrato e continuava com aquela barriga de invejar, sem músculos, é claro, pois músculos são horríveis. Mas sem fazer saliência alguma ao sentar, sem nenhuma sobrinha, perfeito! Até brincava dizendo, tenho inveja da sua barriga. Só que os homens têm o poder de fazer com que uma mulher gorda se sinta gostosa, sem perceber tamanho hipopótamo que é, até que ele leva ela numa churrascaria, ela come como um boi, chega em casa e sente o tamanho horroroso da barriga, sendo os ossinhos da bacia não tão mais visíveis.
Fiz uma lista de coisas que posso comer e alimentos proibidos, colei na porta do guarda roupas, e terei que seguir fielmente. Odeio exercícios mas acredito que desta vez será necessário, ou não, bhlág !! odeio me exercitar.
Então é isto.

Para se inspirar



























































Podem falar o que quiser mais eis que a estética é possível para algumas.

Obsessão pouca é bobagem ...

Obsessão pouca é bobagem. Antes que eu comece a receber visitas de "bons samaritanos" devo dissertar sobre a ponto, de deixar clara minha opinião.
Sendo a anorexia um caráter obsessivo-compulsivo de uma idealização física muitas vezes prejudicial a saúde, (e todas nos sabemos disso), não é diferente da obsessividade que cada ser humano têm em particular da sua vida. Não é difícil encontrar Senhoras casadas que vivem em função da casa o dia inteiro. Cozinham, passam, lavam, fazem janta e almoço, sorriem para filhos e esposos se anulando por inteiro afim de alcançar a sua meta inatingível; ser a esposa e mãe perfeita. Tudo é pouco e a lapidação nunca está a sua altura.
O mesmo ocorre com aquele moço dedicado da empresa, em busca de uma promoção a qualquer custo, e quando consegue quer outra, de auxiliar a supervisor, de supervisor a coordenador, de coordenador a presidente, de presidente a sócio majoritário da empresa. Mas para este moço dedicado, tão admirável para a sociedade o topo é pouco, ele quer mais, ele quer o mundo. Como a dona de casa e o moço dedicado da empresa se anulam, e assim como todas estas pessoas de caráter obsessivo-compulsivo, é comum a auto-agressão. Então, pelo bom censo, se algum ser inteligente ler este texto e desejar discutir a anorexia deste ponto de vista, tudo bem, posso debater. Mas piedade, auxílio, conselhos; por favor, não! Afinal estamos em uma sociedade tão frenética em busca da perfeição que todos os filhos desta massante cultura ocidental são doentes, assim como eu, assim como você que está lendo este texto agora. Cada qual somatiza de maneira distinta, sendo todos peças de uma esquizofrenia coletiva.